26 de abril de 2012

Rainha Fuck Crazy Oh Yeah


O mundo está em ebulição. É tanta dor, tanto sofrimento que fica a pergunta: Vale a pena insistir em ser feliz aqui? Às vezes acredito que não. 
É policial esquartejado por bandido, bandido defendido pelos direitos dos manos, é criança que some e nunca mais se acha, é gente servida frita em suculentos e saborosos salgadinhos.
Credo.
O mundo está em ebulição. E pior, prestes a explodir. Quando paro pra pensar que não se vê mais crianças brincando nas ruas, que as cantigas de roda foram substituídas por hinos de popozudas que enaltecem a arte do mamar e quando falo de mamar, não é na chupeta, ou algo ligado a bebês, quer dizer, em partes, porque o mamar leva a outras coisas que sim, podem nos trazer bebês que acabarão por sumir e nunca mais se achar.
Triste.
Sempre que acordo pela manhã, me pego pensando e até um pouco temeroso em levantar da cama. Tenho a plena certeza de que se assim o fizer, vou me deparar com um cenário de caos total nas ruas, onde uma rainha, vestida num esvoaçante vestido vermelho e amarelo, montada em uma carruagem conduzida por cavalos infernais e de olhos flamejantes, corre pelas ruas, escuras apesar de ser manhã, enquanto grita: "FUCK CRAZY OH YEAHHHH!!!!" e corta crianças ao meio com seu xicote de fogo e esmaga homens e mulheres por sob as rodas da carruagem demoníaca.
E eu, num espasmo de horror e medo, em meu delírio, aperto minha cachorrinha contra meu peito, entro em meu carro e fujo de todo aquele desespero, seguindo numa direção oposta e indo de encontro a um desespero ainda maior.

Gabriel Matos

About Gabriel Matos

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :