14 de janeiro de 2012

Como destruí o centro de uma cidade

Acontece que ser um desastre intinerante era uma constante para mim. Sempre me meti em confusão por conta de meu tamanho descomunal em detrimento à minha pouca idade. Bem, talvez busque nesse fato um pequeno subterfúgio para explicar a grande falta de aptidão para fazer as coisas bem e de forma segura.
Derrubava os objetos, caía de bicicleta, quebrava os brinquedos, sempre sem querer, sempre me desculpando, sempre envergonhando quem quer que estivesse ao meu lado naquele fatídico momento. Graças a isso, ganhei um singelo apelido da minha mãe: “Joãozinho Mão Rota”. Quer dizer, essa era apenas uma variação dos apelidos começados por “Joãozinho”, colocados por minha mãe, sempre tão espirituosa...
O tempo passou e com isso vieram as responsabilidades. Nunca fomos ricos, minha família é de origem humilde e lá em casa, estudar era algo que deveria ficar em segundo plano, o trabalho sempre vinha antes de qualquer coisa. Pensamento logo abandonado por todos os outros primos depois de mim, devido aos desastres que a vida me reservou por conta dessa decisão louca e desacertada.
Seguindo essa lógica insana, fui trabalhar numa ferrovia que cortava a minha cidade aos dezoito anos. Detalhe, apesar de manter posto perto da minha casa, eu preferi trabalhar fora em outra estação da ferrovia, numa busca, talvez um pouco cedo demais, por uma liberdade que eu não queria esperar para obter.
No período do curso teórico, como sempre, me saí muito bem, tirando as maiores notas da turma e sendo elogiado em toda a empresa. Eu era “o cara”, a pessoa que apesar da pouca idade estava chegando para fazer a diferença dentro da ferrovia. E sim, eu fiz mesmo a diferença. Que o diga o centro de uma cidade aqui perto de Salvador.


Continua...

Gabriel Matos

About Gabriel Matos

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :