13 de agosto de 2010

Um Lobisomem Americano em Londres

Há alguns poucos anos atrás (quase 20), um filme atormentava meus sonhos e minha vida: An American Werewolf in London, ou simplesmente, Um Lobisomem Americano em Londres que fora lançado alguns anos antes, em 1981. Muitos devem lembrar-se daquele filme que com certeza, marcou uma geração com suas cenas de violência e horror explícitas. Um dos pioneiros no gênero de "terrir", segmento que fazia uma junção entre terror e um bom humor negro. Outro filme que abusou desse gênero foi o The Evil Dead, A Morte do Demônio, de Sam Raimi, um mestre do "terrir", também de 81 (idéia para um post futuro anotado). 
A Morte do Diacho


O LAIL, sigla do filme para que eu não precise ficar repetindo esse nome extenso e cansativo, foi escrito e dirigido por John Landis, o mesmo responsável pelo clipe espetacular de Michael Jackson, Thriller. 
No filme, um rapaz americano chamado David viaja para um vilarejo no interior da Inglaterra juntamente com seu amigo. E não sei por que cargas d'água, eles resolvem sair à noite, numa caminhada suicida pelas colinas escuras, mesmo depois de serem avisados sobre o perigo que os cercava. (talvez para que haja filme né amigo?).
Enfim, eles foram caminhar na floresta e bem, o seu lobo veio e fez uma bela lambança com o amigo de David.
David, por sua vez, consegue fugir com alguns arranhões pelo corpo, mas seu amigo, aquele que virou uma pizza de sangue, volta como um zumbi em estado de decomposição e passa o filme quase todo dando belos conselhos ao amigo que tão sordidamente o deixou para trás, enquanto seu corpo se deteriora a olhos vistos!
O miguinho de David


Desnecessário dizer que David se torna um lobisomem. 
O resto é lenda e eu não tou afim de escrever, papai Google tá aí, quem não conhecer a história que baixe o filme (ou alugue) e o assista, numa tarde de domingo é uma boa pedida...
Então, nessa onda de remakes, ULAIL será um dos próximos a ser regravado e destroçado, igual às vítimas de David, pelos produtores famintos por qualquer caraminguá a mais que possa cair em sua conta. 
Pergunto-me se já não há mais ninguém, nenhum roteirista do bem na atualidade, que possa escrever uma boa história sem precisar macular bons filmes do passado com remakes sofríveis e sem noção! #prontofalei.
Saco!
Não quero um remake merda!!!


Se não há nenhum profissional capaz, que vão se rastejando então até Sam Raimi e comprem um dos seus milhares de roteiros antigos que ele guarda como relíquias e que promete gravar ao longo dos anos vindouros pelo seu estúdio. 
Um desses filmes de Sam Raimi, foi o delicioso Arraste-me para o Inferno de 2009, que ele mesmo dirigiu. Nesse, o "terrir" está bem mais escancarado, dei boas gargalhadas e tomei bons sustos. (Outro que merece um post).




Arraste Lá Ela Pros Zinferno (ô nominho de filme infeliz né não?)






Veja abaixo um vídeo da primeira transformação de David em werewolf no LAIL:





Bastidores do filme:







E aqui fotos do animatronic usado no filme, restaurado em 2009 pelo mestre das restaurações Tom Spina, do “Tom Spina Designs”:





E para fechar, por favor, esqueçam aquela bobagem de Um Lobisomem Americano em Paris. Não é uma continuação e pior, não foi escrito por John Landis, ou seja, mais um caça níqueis!




Gabriel Matos

About Gabriel Matos

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :

3 Amigos Me Deram uma Luz

Write Amigos Me Deram uma Luz
Anônimo
AUTHOR
3 de dezembro de 2011 18:08 delete

vai se fuder esse filme e uma porcaria!! lobisomen america em paris e superior em todos os requisitos!!

Reply
avatar
.tosco
AUTHOR
25 de junho de 2017 23:26 delete

Ce tem problema na cabeça jovem.... Filme é uma bosta, em Londres é o bom

Reply
avatar
.tosco
AUTHOR
25 de junho de 2017 23:27 delete

Ce tem problema na cabeça jovem.... Filme é uma bosta, em Londres é o bom

Reply
avatar