5 de janeiro de 2008

Melancolia


Queria mergulhar na escuridão e esquecer os meus anseios...

Esquecer que um dia fui humano e passei por tudo isso...

Mas as feridas estão abertas e jamais irão cicatrizar...

A dor é tão insuportável,e ao mesmo tempo tão desprezível!...

A morte.

Apenas um desejo covarde de fugir da realidade...

A morte.

A busca de paz e tranqüilidade pelo menos uma vez na vida...

Morte.

Doce, fria e inconseqüente.

Solidão, medo e agonia.

Mas existe algo pior que a morte...

A Vida...

Não esperem muito dela ,senão sucumbirás. Façam como eu, esqueça-a, exorte sua mente, seu corpo, seu espírito a esquecê-la.

Aguardemos pacientes.

A vida nos trará boas surpresas. Porém nesses pacotes de "boas surpresas" virão também coisas tristes, como um andrajoso, que entra em nosso lar sem ser convidado e se apossa de nossa vida e de nosso fôlego, como se deles fosse dono.

Gabriel Matos

About Gabriel Matos

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :